Consciência Ambiental

Acreditamos na coexistência entre a integridade ambiental e o progresso econômico. Em uma mão, dependemos do meio ambiente para a sobrevivência das futuras gerações. Por outro lado, sabemos da interdependência da humanidade com o complexo tecido econômico e seu dinamismo, para atender tanto questões básicas quanto os mais sofisticados anseios do ser humano moderno.

A Luztol em sua missão, reforça o compromisso com o meio ambiente e convida todos os seus stakeholders para somar forças, principalmente o consumidor final, com o objetivo de atender tanto questões compulsórias quanto outras progressistas, para reduzir ao máximo o impacto da fabricação até a destinação final de produtos.


> Nossos produtos

Tecnologia sustentável em produtos à base de água

Em nosso portfólio, todas as tintas para parede, piso, teto, superfícies especiais como gesso e drywall, além de nossa linha de revestimentos, nossos impermeabilizantes e preparadores de superfície são produtos à base de água, ou seja, sem solventes em sua composição.

Os produtos à base de água são livres de VOC (compostos orgânicos voláteis), minimizando a emissão de gases e, consequentemente, são menos poluentes e não são inflamáveis. Não apresentam mau odor, trazendo mais segurança e conforto durante a aplicação e, além disso, permitem fácil limpeza das ferramentas, bastando lavá-las com água.


> Produção responsável

Descarte de Resíduos

A lei 12.305/2010 é conhecida como PNRS - Política Nacional de Resíduos Sólidos, destinada à criação de instrumentos adequados ao trato dos resíduos sólidos para o país e que tem como objetivos reduzir a quantidade de resíduos direcionada para aterros e lixões e a gestão integrada de resíduos sólidos no Brasil. Alguns exemplos de resíduos contemplados são os domiciliares, industriais e até resíduos perigosos (corrosivos, tóxicos e etc.). Dentre os resíduos não perigosos, destacam-se as embalagens.

Dentre os dezoito instrumentos por meio dos quais a Política Nacional de Resíduos Sólidos é implementada, destacamos:

  • Acordos Setoriais;
  • Termos de Compromisso;
  • Educação Ambiental;
  • Estudos de Regionalização;
  • Planos Municipais de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos;
  • Plano Intermunicipais de Resíduos Sólidos;
  • Planos Estaduais de Resíduos Sólidos;
  • Sistema Nacional de Informações sobre a Gestão dos Resíduos.

E, como objetivos fundamentais, a Lei 12.305/2010 traz:

  • Metas para a eliminação dos lixões;
  • A Responsabilidade compartilhada dos geradores de resíduos;
  • Expansão da coleta seletiva;
  • Redução na geração dos resíduos;
  • Ampliação da logística reversa, ou seja, a coleta e restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento em seu ciclo ou em outros produtivos, outra destinação final ambientalmente adequada;
  • Inclusão de catadores de materiais recicláveis na logística reversa e na coleta seletiva.

Tratamento interno

 A Luztol possui internamente uma eficaz ETE (Estação de Tratamento de Efluentes) para o setor Base Água. O processo possui como objetivo reutilizar toda a água tratada de volta para a limpeza de tanques principalmente. Conseguimos também com isso, menor volume de resíduos sólidos no final do mês, atendendo com princípios de austeridade com gastos. Vale ressaltar também que esses resíduos não são descartados e servem de insumos para blocos e outros insumos relacionados à construção civil.

Para o setor Base Solvente, aproveitamos 99,9% dos resíduos gerados através de máquinas de reciclagem especiais, e os resíduos sólidos no final desse processo, servem de subproduto para determinados produtos acabados de linha. Vale ressaltar que mesmo sendo reutilizados, a qualidade final é assegurada tanto por normas internas quanto externas.

Esses resíduos que não podemos reaproveitar, sejam do setor base água ou solvente, são destinados ao tratamento adequado por empresa homologada.

Transporte seguro

Nossos parceiros de logística encontram-se todos são todos portadores da Autorização Ambiental para o Transporte Interestadual de Produtos Perigosos – IBAMA Legislação: Art.8º da Lei Complementar número 140/2011.

Para mais informações sobre o PNRS clique aqui.


> Como contribuir?

Sobra de tintas

O primeiro passo para evitar a sobra de tinta é calcular corretamente a quantidade necessária. Não arrisque palpites quanto a isso: consulte nas embalagens e no site as informações acerca do rendimento do produto.

Se houver sobra da tinta utilizada, doe! Além de ajudar a quem precisa, este gesto simples contribui muito para a preservação do meio ambiente. Tinta foi feita pra pintar, não para guardar!

Você pode ainda misturar sobras de tintas e formar uma cor cinza ou concreto e utilizar em outras áreas que precisem daquela renovada. Assim você economiza e reaproveita as tintas excedentes. Mas, atenção: só podem ser misturados produtos do mesmo tipo e mesmas características. Nunca misture produtos à base de água com base solvente!

Caso não encontre alguém para doar ou não possa reaproveitar, faça o seguinte: aplique toda a tinta que sobrou em folhas de jornal. Assim que secar, você pode descartar no lixo, com toda a segurança.

Limpeza de ferramentas

Para lavar de forma responsável as ferramentas utilizadas na pintura, fique atento ao tipo de produto que foi aplicado.

  • Produtos à base de água: se houver rede de esgoto tratado, faça a lavagem dos utensílios com água e sabão, descartando em pias e ralos. NÃO descarte em bueiros, bocas-de-lobo e, principalmente, NUNCA despeje no solo.
  • Produtos à base de solvente: lave as ferramentas com o solvente utilizado na diluição do produto. Despeje os resíduos em areia, JAMAIS no solo ou rede de esgoto. Aguarde a evaporação (areia ficar seca) e descarte-a em lixo comum.

Embalagens metálicas

Nossas embalagens são produzidas em material reciclável. Encaminhe para coleta seletiva, pontos de entrega voluntária, cooperativas de reciclagem ou outros centros específicos de coleta.

Existem iniciativas como o Prolata, programa de reciclagem de latas de todo o setor de tintas decorativas por meio do qual são implementadas ações para aumentar o índice de reciclagem de embalagens, formalizar o sistema e facilitar a logística reversa, além de atender às legislações existentes.  Apesar de não cobrir totalmente o território nacional, o programa está crescendo principalmente por causa de maior consciência social e ingresso de cooperativas. Para pessoas jurídicas que possuem considerável volume de descarte, isso está deixando de ter caráter somente moral também para legal. Sugerimos uma energia adicional para entender o processo, tanto para destinação, como também divulgação disso.

Conheça o Prolata clicando aqui ou mais informações sobre descartes, aqui.

Reutilização de embalagens

Embalagens de tinta à base de água podem ser reutilizadas após serem totalmente limpas, para decoração, artesanato, jardinagem ou armazenagem de itens não destinados ao consumo. Basta lavá-las corretamente em água corrente que seja ligada a uma rede de esgoto tratado.

O balde plástico possui ótimo apelo ergonômico por conta de suas alças, mas metálicos também podem ser ótimos para esse propósito. O mais importante é, após o uso, não descartar as embalagens em lixo comum.

Verifique nossa sessão de Dicas clicando aqui para mais informações sobre o assunto. A criatividade é uma excelente aliada das políticas ambientais!


> Canal de informações

Você pode entrar em contato conosco para sanar dúvidas sobre o assunto e propor novas ideias para melhorar a cadeia de sustentabilidade do nosso setor. Sabemos que essa iniciativa parte dos fabricantes, mas é fundamental o suporte dos profissionais, consumidores dentre outros veículos para que tudo isso realmente tenha efetividade no Meio Ambiente. Temos ainda um grande trabalho pela frente como pessoas jurídicas e físicas para garantir um mundo sustentável para as futuras gerações!

Rua 14, S/N, Qd. 13 Lt. 01

Polo Empresarial Goiás - Etapa VIII

Aparecida de Goiânia - GO

CEP 74985-178

CNPJ: 00.464.374/0001-68

Fone: (62) 3269-0400

LUZTOL INDÚSTRIA QUÍMICA LTDA